Politica

Eles querem é Daniel

Daniel Dutra tem a preferência da maioria

Aliados de Daniel Dutra, filho do prefeito de Paço do Lumiar, Domingos Dutra, garantem que vão tentar convencê-lo a permanecer na disputa por uma vaga na Assembleia Legislativa do Estado.

Eles afirmam que Daniel conta com o apoio da maioria e será o indicado do clã Dutra para concorrer às eleições de 2018.

A primeira-dama, Núbia Dutra, também estaria disputando a indicação de candidata do clã.

O apoio vai para Edilázio e Roseana

Ex-prefeito Josemar Sobreiro

O ex-prefeito de Paço do Lumiar, Josemar Sobreiro, já comunicou a seu grupo que vai apoiar Edilázio Júnior para deputado estadual e Roseana Sarney para o governo do estado.

Segundo aliados, Josemar acredita que poderá dar uma votação significativa aos dois.

Em 2014, quando comandava a prefeitura, não conseguiu transferir votos suficiente para eleger Davi Alves Filho e encerrou o mandato com alto índice de rejeição.

Prefeitura apresenta Projetos de Lei do PPA e LOA à Comissão de Orçamento da Câmara Municipal

Os Projetos de Lei do Plano Plurianual (PPA) 2018-2021 e a Lei Orçamentária Anual (LOA) 2018 foram apresentados na tarde desta terça-feira (31), à Comissão de Orçamento da Câmara Municipal.

A apresentação, realizada pela Prefeitura de São Luís, por meio da Secretaria Municipal de Planejamento e Desenvolvimento (Seplan), dá início à etapa do processo de aprovação dos documentos.

Os próximos passos serão a discussão com os demais vereadores da casa legislativa e a realização de audiência pública com participação democrática dos cidadãos.

O PPA sistematiza políticas públicas e lista as principais ações e metas da gestão municipal para os próximos quatro anos.

Durante a exposição, o secretário municipal de Planejamento e Desenvolvimento, José Cursino Raposo, explicou que o documento contempla investimentos em áreas prioritárias como educação, saúde, meio ambiente, segurança pública, cultura e patrimônio histórico, desenvolvimento socioeconômico, desenvolvimento urbano e mobilidade.

“Apresentamos à comissão o conjunto de informações que julgamos necessárias para que os vereadores tenham condições de avaliar os projetos. Estamos atravessando um cenário de economia instável e, diante dessa realidade, nosso modelo de planejamento prioriza investimentos em políticas sociais consideradas essenciais. Esse foi um trabalho fruto de uma ação coletiva de todas as secretarias da gestão municipal e que incluiu sugestões da sociedade, fruto de consulta pública realizada via internet”, ressaltou Cursino Raposo.

Para elaboração da LOA, a estimativa das receitas levou em consideração o projeto de modernização fazendária, a carteira de captação de recursos voluntários e a estimativa de transferências, realizada pela Secretaria Municipal de Fazenda (Semfaz).

Os critérios de alocação do custeio foram definidos de modo a contemplar ações que o prefeito tem priorizado, assegurando as despesas com pessoal e as obrigatórias e compulsórias.

CÂMARA

A apresentação das propostas à Comissão Orçamentária da Câmara dá início à etapa legislativa quando os projetos são encaminhados à Câmara para discussão e votação.

Vereadores que participaram da reunião avaliaram positivamente a apresentação por parte do executivo municipal.

O presidente da Comissão de Orçamento da Câmara, vereador Gutemberg Araújo (PSDB) explicou que o papel da comissão é instrumentalizar os demais vereadores para que eles tenham condições de avaliar melhor os projetos.

“Além de tecnicamente qualificada, a reunião foi extremamente proveitosa, pautada pela cordialidade, onde foram discutidas peças importantes para a população de São Luís. Esse foi o pontapé inicial para que a comissão possa seguir em frente, com um cronograma já estabelecido, que inclui um seminário de orientação aos vereadores e a audiência pública com participação da população”, afirmou o parlamentar.

Também participaram da reunião os secretários municipais Delcio Rodrigues (Fazenda) e Moacir Feitosa (Educação) e os vereadores Genival Alves (PRTB), José Joaquim (PSDB) e Estevão Aragão (PSB), além de técnicos da Secretaria Municipal de Planejamento e Desenvolvimento.

Agora é Núbia Dutra

Núbia Dutra

Aliados de Núbia Dutra garantem que ela será a candidata do clã Dutra para disputar as eleições de 2018.

Agora, o clã aguarda somente ela decidir se quer ir para a Assembleia ou Câmara Federal.

Puluca vai a Brasília

O vereador de Paço do Lumiar, Apolinário dos Santos, o Puluca (PV), viaja nesta quinta-feira (26) para Brasília.

O objetivo da viagem, segundo Puluca, é convencer parlamentares de seu partido a destinar emendas para a APAE, que atende centenas de crianças no município.

Ação do MPMA leva à condenação de ex-prefeita e outras três pessoas por crimes eleitorais

Ex-prefeita Malrinete Gralhada é condenada por crime de “boca de urna”

Com base em uma Ação Penal Eleitoral proposta pelo promotor de justiça da 78ª Zona Eleitoral, Fábio Santos de Oliveira, a Justiça condenou a ex-prefeita Malrinete dos Santos Matos (conhecida como Malrinete Gralhada), Rejane Kelman Cutrim Sousa, Raíssa Gabriele Cutrim Sousa e Alcione da Silva Martins pelos crimes de “boca de urna” e corrupção eleitoral.

Rejane Sousa (irmã de Malrinete Gralhada), Raíssa Sousa (sobrinha da ex-prefeita) e Alcione Martins (genro de Rejane Sousa) foram flagrados na madrugada anterior às eleições de 2016 – nas quais Malrinete Gralhada concorria à reeleição – em um carro parado no bairro Santa Clara, cercado por cerca de 20 pessoas.

Dentro do veículo a polícia encontrou R$ 900 escondidos no banco do motorista, outros R$ 200 com Rejane Sousa, além de santinhos de Malrinete Gralhada e do candidato a vereador Marconi Mendes. Havia, ainda, papéis com promessas eleitorais de fornecimento de bens e serviços.

Para o promotor Fábio de Oliveira, os crimes foram praticados “com o nítido objetivo de descumprir as determinações legais e corromper os eleitores desta Municipalidade, oferecendo-lhes dinheiro ou prometendo-lhes o cumprimento de diversas vantagens ou benefícios, devidamente descritos na xerocópia do caderno de anotações”.

Todos os envolvidos foram condenados à pena de um ano de reclusão e seis meses de detenção, substituída por penas restritivas de direito. Dessa forma, Rejane Kelman Cutrim Sousa, Raíssa Gabriele Cutrim Sousa e Alcione da Silva Martins deverão pagar o equivalente a cinco salários mínimos a projeto ou instituição determinado pela Justiça.

Além disso, estão proibidos, por um ano e seis meses, de frequentar bares, festas ou qualquer outro lugar público em que seja servida bebida alcoólica.

Eles foram condenados, ainda, ao pagamento de cinco dias-multa (cada dia-multa equivale a 1/30 do salário mínimo vigente), além de multa de 5 mil Ufir (Unidade Fiscal de Referência).

O mesmo pagamento deverá ser feito por Malrinete Gralhada. Sua pena restritiva de direitos, no entanto, é diferente da aplicada aos demais.

A ex-prefeita de Bom Jardim deverá pagar o equivalente a 50 salários mínimos a projeto ou instituição determinada pelo Poder Judiciário, além de prestar serviços à comunidade, em entidade a ser indicada, pelo prazo de um ano e seis meses.

Na sentença, o juiz Raphael Leite Guedes ressalta que as “anotações encontradas dentro do veículo tinham compromissos que somente ela, como então prefeita municipal, poderia cumprir, tal como pagar salários atrasados, o que demonstra que a referida acusada era a autora intelectual do crime de corrupção eleitoral e boca de urna”.

 

Aliados ou coniventes?

Vereadores de Paço do Lumiar parecem ter esquecido que a Câmara é um poder independente e que entre as atribuições de um vereador está a de legislar e fiscalizar as ações do prefeito.

No município é grande as reclamações dos moradores acerca do descaso com a saúde e com a infraestrutura, mas a maioria dos vereadores mantêm o silêncio.

A justificativa para o silêncio, é a de que são aliados do prefeito Domingos Dutra.

Para maioria da população,  são coniventes. 

Senador Lobão vai à reeleição

Senador Edson Lobão vai disputar reeleição

Após resultado de recentes pesquisas realizadas no Estado que o apontam como favorito para ocupar uma das vagas do senado, o senador Edson lobão garantiu que irá a reeleição em 2018, pelo Maranhão.

“Me orgulho de ser um senador que tem o Maranhão como bandeira de luta e o povo do meu Estado como prioridade número um, por isso todos os dias me sinto mais revigorado nessa luta de amor e dedicação ao nosso povo”. 

Segundo aliados, Lobão possui uma larga folha de serviços prestados ao Maranhão e tem se destacado em Brasília por sua luta na busca de melhores condições de vida para a população maranhense.

Ainda segundo aliados, o número de emendas enviadas por Lobão ao Estado ultrapassa os R$ 100 milhões.

Eles disseram também, que o senador Edson Lobão nunca deixou de percorre o Estado e nem de ouvir a população, que tem demonstrado interesse em que ele permaneça no senado.

Para Lobão, o sentimento do maranhense é de continuar vendo seu trabalho em 2019. Ele descartou a disputa por outros cargos e disse que irá continuar no senado.

“Sou senador pelo Maranhão e com a ajuda de Deus e do povo, vou continuar sendo”, disse.

Núbia Dutra poderá desistir da candidatura de deputado

Daniel Dutra poderá disputar cadeira na Assembleia

O jovem Daniel Dutra caminha para ser o escolhido do clã Dutra para concorrer a uma cadeira na Assembleia Legislativa do Maranhão em 2018.

Segundo aliados de Daniel Dutra, a primeira-dama, Núbia Dutra, deverá anunciar em breve sua decisão de não disputar mais uma vaga no legislativo maranhense.

Ainda segundo aliados, os recentes episódios negativos a que ela se envolveu no município, teriam contribuído para sua desistência.

Para aliados, mesmo que Núbia Dutra viesse a disputar as eleições, as chances dela conquistar uma cadeira em uma disputa com Daniel seriam mínimas.

“As chances de Daniel sair vitorioso nas eleições de 2018 são maiores do que as de Núbia Dutra. Ele é muito querido no município e tem uma facilidade muito grande de aglutinar aliados”, afirmou um aliado.

Presidente do Partido Pátria Livre denuncia ação destrambelhada de Domingos Dutra

Inaldo Pereira

O presidente do Partido Pátria Livre de Paço do Lumiar (PPL), Inaldo Pereira, procurou a redação do Blog do Carlos César na manhã desse domingo (27) para denunciar a forma destrambelhada que o prefeito Domingos Dutra vem administrando o município.

Segundo Inaldo, o governo Dutra está perseguindo centenas de trabalhadores que retiram o sustento da família vendendo refeições e lanches à margem da MA 201 e Avenida 13 do Maiobão.

Ainda segundo Inaldo, as famílias estão sendo de forma desumana retiradas de seus locais de trabalhos sem a garantia de que serão destinadas para outro local.

“É deprimente a forma como famílias, que há anos trabalham no Maiobão, estão sendo retiradas de seus locais de trabalho. O pior é que ninguém tem certeza para onde vai”, denunciou.

Para Inaldo Pereira, a gestão de Domingos Dutra é um verdadeiro estelionato eleitoral.

“Domingos Dutra se elegeu fazendo promessas faraônicas que dificilmente irá cumprir. É um verdadeiro estelionato eleitoral”, disse.

Inaldo destacou que a forma como o prefeito Dutra administra o município, também mostra a falta de conhecimento dele em administração publica.

“Ao longo de sua vida Domingos Dutra só fez duas coisas: falar do Sarney e da oposição em Paço do Lumiar. Ele demonstra não saber nada de administração público, destacou.

 

Inaldo Pereira diz que Domingos Dutra mente para a população

Inaldo Pereira

O ex-candidato a prefeito de Paço do Lumiar, Inaldo Pereira, disse na manhã desta sexta-feira (18), em entrevista a este blog, que o prefeito de Paço do Lumiar, Domingos Dutra mente para a população quando afirma que vem realizando obras no município.

Segundo Inaldo, o mutirão da limpeza, a operação tapa-buracos e o programa Mais Asfalto, são obras do Governo Estadual, que Domingos Dutra apresenta como sendo de sua autoria.

Prefeito Domingos Dutra

Ainda segundo Inaldo Pereira, a única coisa que o prefeito Domingos Dutra tem feito no município é atacar a oposição. “O que Dutra faz com maestria no município é atacar com ódio cruel a oposição. Ele precisa descer do palanque, deixar de atacar quem só quer o bem da população”, disse.

Inaldo Pereira revelou que tem visitado a Zona Rural do município e o que ele tem ouvido é muitas reclamações da população a cerca do descaso do poder público municipal.

“A população da Zona Rural está esquecida por parte da prefeitura. São muitas as reclamações sobre o descaso do prefeito”, denunciou.