Cidade

Terceira edição da Feirinha São Luís acontece neste domingo na Praça Benedito Leite

A calmaria e silêncio aos domingos na Praça Benedito Leite, localizada no Centro Histórico, ficaram no passado. Desde o último dia 11 de junho, quando a Prefeitura inaugurou a Feirinha São Luís, o espaço, que antes era pouco povoado aos domingos, ganhou uma cara nova, com atrações culturais que agitam o público, além da diversidade da gastronomia e oferta de produtos agrícolas vindos direto da zona rural da capital.

“Estamos trabalhando incansavelmente para que o sucesso continue em todas as edições da Feirinha São Luís, que reúne a população no local e reocupa o Centro da capital, gerando emprego e renda, além de entretenimento para turistas e moradores da cidade”, explicou o titular da Secretaria Municipal de Agricultura, Pesca e Abastecimento (Semapa), Ivaldo Rodrigues.

A estudante paraibana que mora em São Luís há 13 anos, Adriane Andrade da Costa, esteve presente na última edição do evento e achou o projeto muito interessante.

“Além de poder incentivar os agricultores locais, que podem aumentar sua renda e produção com o crescimento da demanda, gera mais economia para o Estado. É a valorização do que tem de melhor no Maranhão” disse a estudante.

CULTURA

Durante a feirinha, as atrações culturais se revezam animando os presentes e, ao mesmo tempo, divulgando as manifestações locais. Nesta edição, as apresentações começam às 8h, com o som do berimbau do Centro de Capoeira Angola Matroá; na sequência, às 9h, o couro aquecido do tambor de crioula Arte Nossa faz a alegria do público; às 10h entra a Banda do Bom Menino, dando continuidade aos festejos juninos; já às 11h, o sotaque de orquestra do boi Brilhoso do Sol e Mar traz mais cores à feirinha; às 12h, a quadrilha Mocinha do Sertão dita a festa, que segue às 13h com a irreverência do cacuriá da Fé em Deus.

Às 14h, o forró Pé de Serra.com fecha as apresentações.

“Paralelo ao viés cultural, a Feirinha São Luís vai se fortalecendo como espaço de lazer, de comércio, de interação social. Famílias inteiras podem aproveitar para curtir a praça e ainda levar para casa produtos tipicamente maranhenses”, enfatiza o secretário Ivaldo Rodrigues.

Participam da feirinha 11 polos que comercializam produtos diversos a preços competitivos distribuídos em 61 barracas, sendo 25 para produtores rurais, 25 para artesanato e 11 para gastronomia, além dos food trucks.

GASTRONOMIA

A novidade desta edição é a abertura do Restaurante Escola Senac durante os domingos. Referência no Maranhão pela qualidade de ensino transmitida aos alunos, aliada à excelência no atendimento e demais serviços oferecidos aos clientes, o restaurante vai agregar valor também ao projeto da feirinha, com um cardápio diferente e variado.

Para o diretor regional do Senac, Ahirton Lopes, a instituição que atua na região por meio do trabalho desenvolvido no Restaurante Escola ao longo de 25 anos, não poderia deixar de apoiar o projeto.

“Recebemos a proposta com muita alegria e não vamos medir esforços em atender ao público visitante da Feirinha São Luís, que já sabemos que é formado, em grande parte, por turistas e admiradores da gastronomia e cultura maranhense”, destacou Ahirton Lopes.

Na Barraca do Chef, que dá espaço a nomes reconhecidos da culinária maranhense e apresenta ao público pratos diferenciados, tradicionais e novidades, quem comanda o espaço neste domingo é a chef Cila Brandão, do Restaurante Armazém do Chef.

No evento são expostos e comercializados produtos e subprodutos da agricultura familiar, como frutas, legumes, verduras, hortaliças, doces, compotas, queijos e comidas típicas do estado.

A iniciativa reúne órgãos do município, Banco do Nordeste, Governo do Estado, Supermercados Mateus, Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) e Associação Comercial do Maranhão (ACM).

Apoiam ainda o evento, o Senac, Academia Maranhense de Letras, Associação dos Moradores do Centro, Secretaria de Estado da Cultura e Turismo, Iphan-MA, Arquidiocese de São Luís, Sindicado dos Trabalhadores Trabalhadoras Rurais de São Luís.

‘São João de Todos Nós’ garante estrutura e segurança para o público curtir festas juninas em São Luís

O público que frequenta o ‘São João de Todos’, parceria entre o Governo do Estado e a Prefeitura de São Luís, nos circuitos oficiais da Praça Maria Aragão, Parque Folclórico da Vila Palmeira, Ipem e Praça Nauro Machado conta com vários serviços que garantem curtir a programação com tranquilidade.

Equipes do Corpo de Bombeiros, Polícia Militar, Secretaria Municipal de Trânsito e Transporte (SMTT/Blitz Urbana), Secretaria Municipal de Segurança com Cidadania (Semusc/Guarda Municipal), Secretaria Municipal de Saúde (Semus/Vigilância Sanitária) estão à disposição para atender ao público.

O ‘São João de Todos’, prossegue até o dia 2 de julho. A programação começa às 19h com seis atrações por noite em cada arraial, entre grupos de bumba meu boi, quadrilhas, danças tradicionais e shows.

Nesta quarta (21) e quinta-feira (22), a festa continua a partir das 18h, com apresentações de tambor de crioula, bumba meu boi, danças folclóricas, companhias de ritmos e shows de artistas locais.

“Os maranhenses que vêm para o arraial curtir o São João encontram uma estrutura completa que dá comodidade para toda a família, com atendimento de primeiros socorros, encaminhamento hospitalar, barracas de comidas típicas, brinquedos para as crianças, banheiros químicos, além dos espaços com programação folclórica”, explica o secretário municipal de cultura, Marlon Botão.

O Arraial da Praça Maria Aragão traz na programação desta quarta-feira (21), os tambores de crioula Mensageiros de São Benedito e Milagre de São Benedito de Canuto, os bois da Vila Passos de Canuto (zabumba), Encantos do Olho d´Água (orquestra), de Sonhos (orquestra) e Axixá (orquestra) e o show ‘Encantarias’, com Luiz Cláudio.

Já na quinta-feira (22), apresentam-se os tambores de crioula Mocidade Independente e Tijupa e os bois de Axixá (orquestra), São Simão (orquestra) e Santa Fé (baixada). Tem ainda a Cia Encantar e o show ‘Flores de Aço’.

No Barracão do Forró, haverá apresentações de Raimundinho e Forró Pé No Chão e grupo Raízes da Terra.

ESTRUTURA

O Corpo de Bombeiros está diariamente com três equipes de pronto atendimento em primeiros socorros, com cinco integrantes cada, posicionadas em pontos estratégicos da Praça Maria Aragão.

Com poucas ocorrências, a supervisora da equipe de bombeiros no local, Jardiana Nogueira informa que o arraial está bem tranquilo.

“A nossa equipe está aqui preparada, com equipamentos para agirmos em qualquer eventualidade. Fazemos o atendimento de primeiros socorros e encaminhamos a pessoa para uma unidade móvel, se necessário”, reforça a supervisora.

Em dias de semana, quando o movimento é menor, ficam a postos oito integrantes da Polícia Militar. Porém, em dias mais cheios, aumenta o número de equipes dependendo da demanda.

Ainda na área de segurança, destaca-se a participação da Guarda Municipal, com 30 guardas divididos em equipes de seis e em turnos, que fazem um trabalho de prevenção a ocorrências.

A Secretaria Municipal de Trânsito e Transporte é responsável por dar fluidez ao trânsito nas proximidades da Praça Maria Aragão, reservar espaços para taxistas e organizar as descidas e paradas do ônibus das danças folclóricas.

Trabalham nove pessoas na equipe por dia, mas de acordo com a necessidade este número pode ser aumentado.

SEGURANÇA

O empresário maranhense Luiz Pedro, 37 anos, considera a Praça Maria Aragão um dos melhores arraiais da cidade. “Já venho há três dias com a família, filhos pequenos, e nunca tive problemas, inclusive em dias mais cheios. A organização e segurança estão boas, já vi muitos policiais e nenhuma briga ou movimento estranho”, conta.

A Praça Maria Aragão conta ainda com espaço exclusivo para idosos e pessoas com mobilidade reduzida, além de banheiros químicos na parte esquerda do palco.

Um posto de saúde equipado para atendimento de urgência estará em funcionamento durante todo o período da programação junina, com uma ambulância para encaminhamento a hospital.

As secretarias de Obras e Serviços Públicos (Semosp), da Criança e Assistência Social (Semcas) também são parceiros no evento, para limpeza dos arraiais e na campanha preventiva de conscientização e comprometimento no combate ao trabalho infantil durante o São João.

O turista recebe atenção especial durante o ‘São João de Todos’, por meio de Centrais de Atendimento ao Turista instaladas nos arraiais da Praça Maria Aragão e do Ipem, para distribuição de programação e informações sobre a cultura e destinos turísticos maranhenses.

Além disso, eles podem tirar fotos no local, que tem decoração junina.

Além do circuito oficial, a programação também se estende para os arraiais em 12 bairros: Bairro de Fátima, João Paulo, João de Deus, Cohajap, Liberdade, Largo de Santo Antônio no Centro, Cohatrac, Anil, Anjo da Guarda, Cidade Operária, Vila Embratel e Praça do Letrado no Vinhais.

Nesses locais, a programação vai de 23 a 29 de junho.

A programação completa está disponível no portal da Prefeitura (www.saoluis.ma.gov.br) e no hotsite ‘São João de Todos’ (http://www.ma.gov.br/saojoaodetodos/)

PROGRAMAÇÃO

QUARTA-FEIRA (21)

Arraial da Maria Aragão

18H TAMBOR DE CRIOULA MENSAGEIROS DE SÃO BENEDITO

18H30 TAMBOR DE CRIOULA MILHAGRE DE SÃO BENEDITO DE CANUTO

19H BOI DA VILA PASSOS DE CANUTO (Z)

20H BOI ENCANTOS DO OLHO D´AGUA (O)

21H BOI DE SONHOS (O)

22H SHOW ENCANTARIAS LUÍS CLÁUDIO

23H BOI DE AXIXÁ (O)

Arraial da Vila Palmeira

19H BOI DE GUIMARÃES (Z)

20H BOI DE AXIXÁ (O)

21H BOI DA VILA PASSOS DE CANUTO (Z)

22H SHOW LAMPARINA

23H BOI ENCANTOS DO OLHO D´AGUA (O)

Arraial do Ipem

19H BOI MEU TAMARINEIRO (O)

20H BOI DE SÃO SIMÃO (O)

21H BOI DE GUIMARÃES (Z)

22H SHOW ALEXANDRA NICOLAS

23H BOI DA PINDOBA (M)

QUINTA-FEIRA (22)

Arraial da Maria Aragão

18H TAMBOR DE CRIOULA MOCIDADE INDEPENDENTE

18H30 TAMBOR DE CRIOULA TIJUPA

19H BOI DE AXIXÁ (O)

20H BOI DE SÃO SIMÃO (O)

21H CIA ENCANTAR (A)

22H SHOW FLORES DE AÇO

23H BOI DE SANTA FÉ (B)

BARRACÃO DO FORRÓ

20H RAIMUNDINHO E FORRÓ PÉ NO CHÃO

21H RAÍZES DA TERRA

Arraial da Vila Palmeira

19H BOI DE UPAON AÇU (O)

20H BOI DA FE EM DEUS (Z)

21H BOI DE PALHA (A)

22H SHOW FOLIA DE TRÊS

23H BOI DA MAIOBA (M)

Arraial do Ipem

19H CACURIÁ DE TETE (A)

20H BOI LENDAS E MAGIAS (O)

21H BOI BRILHO DA ILHA (O)

22H SHOW MANO BORGES

23H BOI PIRILAMPO (A)

BARRACÃO DO FORRÓ

20H GANZOLA PE NO CHÃO

22H KAMBADA DO FORRÓ

 

 

‘Feirinha São Luís’ terá segunda edição neste domingo na Praça Benedito Leite

Uma amostra do que há de melhor na culinária, arte e cultura do Maranhão estão na ‘Feirinha São Luís’, evento que reúne agricultores familiares, artesãos e profissionais da gastronomia na Praça Benedito Leite (Centro), aos domingos, das 7h às 15h.

A iniciativa da Prefeitura de São Luís tem como proposta revitalizar o espaço da praça, incentivar a pequena produção e promover o intercâmbio sociocultural.

A segunda edição do evento, que acontece neste domingo (18), traz uma série de atrações folclóricas locais e destaca a arte e a boa comida maranhense.

O secretário municipal de Abastecimento, Pesca e Agricultura (Semapa), Ivaldo Rodrigues, pontuou o sucesso da primeira feirinha destacando a organização, a variedade de opções e o importante espaço para lazer, e entretenimento da cidade.

Ivaldo Rodrigues destaca que a ideia do evento é justamente reunir a população para apreciar a cultura, conhecer e consumir produtos tipicamente maranhenses, além de estimular os pequenos produtores e promover o resgate do espaço.

“Com o movimento da feirinha o comércio é aquecido em um dia em que, geralmente, não há tantas opções de compra e a praça é preservada. Estamos muito felizes com a receptividade do público, e por determinação do prefeito Edivaldo, o projeto acontecerá todos os domingos”, disse o gestor.

Nesta edição, um dos pontos altos do evento é a Barraca do Chef, que dá espaço a nomes reconhecidos da culinária maranhense e apresenta ao público pratos diferenciados, tradicionais e novidades.

Quem comanda o espaço neste domingo é o chef Luciano Rosa, do Supermercado Mateus.

Para agradar ao paladar do público ele traz pratos típicos do período junino como torta de camarão, arroz de cuxá e Maria Isabel, bolos de macaxeira e tapioca e mingau de milho com amendoim.

A proposta é que a cada edição, seja apresentado um cardápio com a marca maranhense. Na primeira edição, realizada no último domingo (11), o chef Melquíades Dantas optou por um cardápio surpresa, divulgado apenas na hora do evento.

O profissional brindou o público com pratos típicos do período junino como torta de sururu, mingau de milho, compotas e bolos diversos.

CULTURA

Durante a feirinha, as atrações culturais se revezam animando os presentes e ao mesmo tempo divulgando as manifestações locais. Estão no cronograma desta edição a Banda da Feirinha, a partir das 8h, seguido do grupo de dança Cacuriá Assacana, Banda da Guarda Municipal, o boi Pirilampo (alternativo) que chega animando a partir das 11h, em seguida, o Grupo Lamparina e encerrando as atrações culturais, o boi Encanto da Ilha, às 13h.

Paralelo ao viés cultural, a ‘Feirinha São Luís’ vai se fortalecendo como espaço de lazer, de comércio, de interação social. Famílias inteiras podem aproveitar para curtir a praça e ainda levar para casa produtos tipicamente maranhenses, enfatiza o secretário Ivaldo Rodrigues.

Participam da feirinha 11 polos que comercializam produtos diversos a preços competitivos distribuídos em 61 barracas, sendo 25 para produtores rurais, 25 para artesanato e 11 para gastronomia, além dos food trucks.

No evento são expostos e comercializados produtos e subprodutos da agricultura familiar, como frutas, legumes, verduras, hortaliças, doces, compotas, queijos e comidas típicas do estado. “É uma boa oportunidade para prestigiar nossa cultura e consumir produtos de qualidade”, destaca o titular da Semapa.

 

Rodoviários suspendem greve

Os rodoviários decidiram, durante reunião nesta segunda-feira (12), no Tribunal Regional do Trabalho (TRT/MA), suspender a greve marcada para terça-feira (13).

Eles pedem reajuste de 13% nos salários e aumento no valor do tíquete alimentação, que passaria de R$ 490,00 para R$ 650,00.

Os empresários se comprometeram em dar aumento de 2% apenas nos salários.

O tíquete alimentação permaneceria nos valores atuais.

Segundo o presidente do Sindicato dos Rodoviários do Maranhão, Isaias Castelo Branco, a justiça irá decidir o impasse entre a categoria e os empresários.

“Vamos aguardar agora, o que a Justiça irá decidir,” disse.

Restaurante Popular do Maiobão está em novo endereço

O novo Restaurante Popular do Maiobão começa a funcionar em novo local, em caráter experimental aberto à população, a partir da próxima segunda-feira (12).

A inauguração oficial do equipamento público de alimentação, agora com mais espaço e conforto, será realizada em grande ato popular com a participação do governador Flávio Dino, no dia 20 deste mês.

A ação é coordenada pela Secretaria de Estado do Desenvolvimento Social (Sedes).

Para proporcionar mais comodidade e higiene aos usuários do Restaurante Popular do Maiobão, o serviço será ofertado agora em um prédio localizado na Avenida 12, nº 14, próximo ao Depósito de Material de Construção do Baiano.

O grande diferencial do novo equipamento de segurança alimentar e nutricional do bairro são as instalações físicas agora bem mais amplas e melhor adequadas à atividade.

Segundo o titular da Sedes, Neto Evangelista, a mudança de local do equipamento público de alimentação do Maiobão integra a política de expansão e melhoria do serviço de segurança alimentar e nutricional implementada pelo Governo do Estado, com o objetivo de combater a fome e melhorar os indicadores sociais na área, tendo como público-alvo principal a população em situação de vulnerabilidade social.

“Temos avançado de forma significativa na área, o revela a preocupação que o governo tem com os menos favorecidos, o combate à fome e com a saúde dos maranhenses. Os restaurantes populares são uma importante política pública de governo, que visa, entre outros aspectos, reduzir os índices de insegurança alimentar, que ainda é muito alto no Estado. Mas estamos trabalhando com muito afinco para mudar essa realidade, não apenas fornecendo alimentação, mas proporcionando a seus frequentadores oportunidade de capacitação em educação alimentar nesses espaços”, afirmou Neto Evangelista.

Antes funcionando em espaço menor e antigo, o Restaurante Popular do Maiobão passará a ocupar um prédio novo, recém-construído para atender a todas as normas quanto ao conforto, higiene e acessibilidade às pessoas com necessidades especiais de locomoção e melhor usufruto do serviço pela população.

Diariamente são servidas no almoço até 1375 refeições e no jantar até 550. Atualmente, o restaurante funciona com 16 mesas de seis lugares e uma capacidade para atender 96 pessoas sentadas.

No novo espaço, o número de mesas foi ampliado para 20 e a capacidade de atendimento será para 120 pessoas sentadas. O equipamento disponibilizará ainda sala de capacitação, sala de reunião, dentre outros setores administrativos.

O novo restaurante do Maiobão continuará funcionando em mesmo horário, das 11h às 14h30, no almoço; e das 17h30 às 19h30, no jantar, de segunda a sexta-feira. A refeição tem valor simbólico de R$ 2 reais.

Prefeitura reúne comerciantes informais da Praça Deodoro para ação de preservação das árvores

A Prefeitura de São Luís e a empresa de reciclagem Indama farão o recolhimento semanal do óleo usado por comerciantes informais que trabalham na Praça Deodoro. O produto será armazenado de forma adequada em baldes e, depois de recolhido, será transformado em sabão artesanal.

A ação visa a limpeza do logradouro, que recebe diariamente centenas de pessoas que trafegam pelo espaço, bem como a preservação das árvores que muitas vezes recebem estes resíduos em suas raízes, o que prejudica a saúde destas espécies.

Nesta sexta-feira (9), o Instituto Municipal da Paisagem Urbana (Impur) e a Secretaria Municipal de Urbanismo e Habitação (Semurh), via Blitz Urbana reuniram os comerciantes informais que trabalham com óleo e água quente nas praças do Pantheon e Deodoro.

A reunião foi parte da programação da Semana Mundial do Meio Ambiente e serviu como alerta para preservação de dezenas de oitizeiros centenários.

Durante o encontro que reuniu cerca de 60 comerciantes, o presidente do Impur, Luiz Borralho, explicou que várias ações já foram iniciadas como forma de prevenção e manutenção das plantas.

“É necessário um trabalho conjunto e de conscientização por parte dos comerciantes para que preservemos nossas árvores, que são um bem da cidade. Para isto não podemos descartar resíduos em suas raízes porque traz muitos prejuízos às plantas”, disse Borralho.

Ainda de acordo com Borralho, uma parte dos comerciantes cadastrados e que operam regularmente nas praças já faz a destinação correta destes resíduos.

“Já temos pessoas que entenderam o processo e a necessidade de preservar, que encaminham o óleo para reciclagem e é exatamente o trabalho que estamos fazendo com os demais, conscientizar para que dêem a destinação correta para o produto”, completou.

RECOLHIMENTO

O administrador da empresa recicladora, Rafael Pinto, explica que o processo de recolhimento será realizado semanalmente e que a empresa ficará responsável também pela reciclagem do óleo que será transformado em sabão artesanal.

“Vamos distribuir baldes com tampa para que os comerciantes iniciem o processo do descarte correto e ao final da semana, faremos o recolhimento do produto com total higienização. Com o avanço na conscientização dessa prática, faremos ainda a implantação de bambonas fixas para atender as duas praças”, detalhou Rafael Pinto.

Já a entrega do material será feito na base da Blitz Urbana, localizada na Praça do Pantheon, medida que, de acordo com o superintendente da Blitz, Antônio Duarte, facilita o deslocamento dos comerciantes.

“Além de prevenção, a Prefeitura visa a saúde das plantas, o bem estar e segurança de quem trabalha e passa todos os dias por aqui”, disse Antônio Duarte.

AÇÃO CURATIVA

A partir deste sábado (10), a Prefeitura de São Luís por meio do Impur, também dará início à ação curativa em 32 oitizeiros. Os exemplares que passaram por um minucioso diagnóstico, feito por técnicos e agrônomos, revela que as plantas estão com brocas, uma espécie de abertura interna e que propicia o aparecimento de fungos e bactérias que podem ocasionar a morte das árvores.

A ação tem prazo para conclusão de 10 dias, em razão do grande fluxo de pessoas que passam pelo local. Serão preenchidas as regiões comprometidas de cada árvore, entre outros procedimentos curativos.

Viva Cidadão vai fechar as portas

A Unidade do Viva Cidadão Beira-Mar vai fechar as portas as 13h dessa sexta-feira (9).

O diretor Duarte Junior, convocou uma reunião com todos os funcionários.

Segundo fontes, a pauta é o aprimoramento no atendimento.

Os funcionários estão preocupados e temem que possa ocorrer demissões.

A Unidade retoma o atendimento às 16h.

Anatel anuncia mudanças em contratos com concessionárias de telefonia fixa

 

A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) publicou hoje (8), no Diário Oficial da União, as mudanças nos contratos de concessão de serviços de telefonia fixa, que incluem alterações nas metas de universalização dos serviços.

Os contratos, que serão assinados com as empresas Oi, Telefonica, Embratel, Sercomtel e Algar, vão vigorar até 2025.

Pelo novo Plano Geral de Metas de Universalização (PGMU), a instalação de orelhões em localidades menores somente será feita sob demanda do usuário.

Foram retiradas as obrigações atuais de densidade e de distância mínima entre os aparelhos, previstas em planos anteriores. Escolas, bibliotecas, museus, hospitais, postos de saúde, delegacias, aeroportos e rodoviárias terão atendimento prioritário para a instalação de orelhões.

A expectativa é que nos próximos dias seja publicado um decreto presidencial sobre o PGMU. O plano prevê que, nas localidades com mais de 300 habitantes, o prazo para instalação dos telefones será de sete dias a partir da solicitação do consumidor em 90% dos casos.

Pelo menos 10% dos orelhões devem estar em locais acessíveis ao público durante 24 horas, e todos devem permitir ligações nacionais e internacionais.

Na sede dos municípios, as concessionárias deverão manter instalada a capacidade de backhaul fixada em dezembro de 2010. O backhaul é a infraestrutura de rede do telefone fixo utilizada para acessar a banda larga

Segundo a Anatel, a mudança nos contratos e nas metas de universalização foi motivada pela perda acentuada de atratividade do serviço de telefonia fixa, a pressão competitiva de outros serviços de telecomunicações e os hábitos de consumo dos usuários.

As alterações foram aprovadas depois da realização de consulta pública, conforme determina a legislação.

Jovens de São Luís são foco de parceria entre Prefeitura e Governo do Estado

Os jovens de São Luís vão ser contemplados com projetos e ações que têm foco na Educação, Cultura e Turismo, a partir de trabalho parceiro entre a Prefeitura e o Governo do Estado.

Para formalizar o acordo, representantes da juventude das duas gestões reuniram-se com o prefeito Edivaldo, na tarde desta terça-feira (6), no Palácio La Ravardière.

Na ocasião, foi apresentada a proposta e definido o cronograma prévio das atividades.

Programas como ‘Jovem Cidadão’, ‘Aulão do Enem’, ‘Juventude Viva’ e ‘Geração Ciência’, entre outros, serão implantados ou fortalecidos na capital.

prefeito Edivaldo destacou o diferencial da parceria em priorizar a juventude, estimulando o crescimento intelectual e sensibilizando para questões de cunho social.

“É uma parceria extremamente frutífera e reforça o trabalho que a Prefeitura já desenvolve com o Estado e agora, com foco na nossa juventude. Estamos satisfeitos com as possibilidades apresentadas e vamos trabalhar para que possamos ampliar o conjunto de projetos e atender à demanda dos nossos jovens”, enfatizou o prefeito Edivaldo.

Desenvolver políticas de alcance direto e concretas para a juventude é o principal objetivo da parceria, avalia a secretária de Estado Extraordinária de Juventude (Seejuv), Tatiana Pereira.

“O alinhamento Governo e Prefeitura é muito importante para que algumas ações tenham mais êxito e possam alcançar um maior contingente de jovens em São Luís”, pontuou a gestora.

PROGRAMAS

Entre os programas que serão ampliados ao município está o ‘Jovem Cidadão’, que tem como objetivo apresentar a cidade a estudantes do Ensino Médio. Aproximadamente dois mil jovens de todo o Maranhão são alcançados com o programa. O ‘Jovem Cidadão’ consiste em passeios guiados por equipe da Secretaria Municipal de Turismo contando a história dos pontos turísticos mais importantes da capital e de outras regiões do Estado e ainda, atividades lúdico-esportivas nos bairros da capital.

O ‘Aulão do Enem’ é outra ação do conjunto que prepara para o Exame Nacional do Ensino Médio e a partir da parceria, passa a contemplar também estudantes da rede municipal de ensino.

O ‘Juventude Viva’ voltado para jovens de bairros periféricos, será lançado com a parceria e vai trabalhar nas comunidades mobilizando a juventude para ações socioculturais. Oito comunidades já estão cadastradas para essa ação, que tem previsão de iniciar no mês de julho.

O projeto ‘Geração Ciência’, promovido nas escolas e voltado à comunidade estudantil do Ensino Médio, estimula na realização de pesquisas em áreas diversas do conhecimento, sendo que as aprovadas são apoiadas pela gestão. O projeto está em fase de seleção dos trabalhos.

E a campanha ‘Juventude Prevenida’, que na segunda quinzena deste mês será ampliado às unidades de ensino fundamental do município. O trabalho discute e orienta sobre temas como violência na adolescência, drogas, doenças sexualmente transmissíveis e outros, a partir de palestras e oficinas.

 

Professores promovem manifestações contra Prefeitura de Cedral-MA

 

Professores da rede pública municipal de ensino de Cedral-MA, promoveram na manhã desta sexta (02) manifestações contra recentes atitudes promovidas pela Prefeitura Municipal, que prejudicam o desenvolvimento da Educação de lá, bem como a desvalorização os profissionais.

A manifestação começou em frente à prefeitura, seguindo para a Câmara de Vereadores local.

O primeiro gesto de manifestação contra a Prefeitura de Cedral, liderada pelo recém eleito prefeito Jadson Passinho, foi uma paralisação em toda a rede municipal, planejada com antecedência pelos profissionais da educação que fazem uma série de reivindicações por meio desse ato.

Redução de salário

Segundo informações fornecidas ao blog por meio de professores da cidade, o salário dos funcionários da Educação foi reduzido, desvalorizando assim a atuação destes no município.

Além disso, o prefeito tirou a gratificação de 10% e o piso não foi reajustado nesse ano, prejudicando os professores.

Educação precária

Os profissionais reclamam ainda das precárias condições que estão sendo oferecidas para que estes conduzam a Educação do município de Cedral. Escolas recém construídas estão abandonadas, como é o caso do novo centro de ensino construído na anterior gestão na comunidade de Santaninha, que similar à escola Euclides Ribeiro, de Mirinzal, ficou pronta e está servindo de abrigo para o mato.

São destaques para confirmação da precariedade da educação no município, como confirmado por profissionais que atuam no mesmo, que hão escolas que não constantemente ficam sem água, e ainda outras não tiveram merenda desde o começo das aulas no ano letivo de 2017.

A manifestação realizada na manhã desta sexta foi comunicada previamente ao Sindicato dos Profissionais da Educação de Cedral, o SINPROECED, que é um dos apoiadores do ato realizado pelos profissionais. A Prefeitura de Cedral ainda não se pronunciou sobre o assunto.